Utilizamos cookies para lhe proporcionar a melhor experiência no nosso site.

Para obter mais informações, consulte nossa política de cookies

LER A POLITICA DE PRIVACIDADE E COOKIES

ACEITAR




MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga! | Jornal em Destaque


Ouça a Noticia!

MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!

Com três anos de gestão, chuva de verão mostra que município continua despreparado para os temporais



MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!

08/01/2020 19:30 ( Atualizado em 08/01/2020 21:42) | Miguel Pereira | DESTAQUE |

Helio de Carvalho

As já conhecidas chuvas de verão e seus estragos, que só estão começando, vêm mostrando que Miguel Pereira é, na verdade, Uma Velha Cidade, com a velha e ineficiente maneira de se administrar a coisa pública. De novo Miguel Pereira só tem o slogam do governo André Português: as inundações são velhas conhecidas, a necessidade de a prefeitura se preparar para as fortes chuvas deste período do ano são velhas e, claro, a Secretaria de Obras ficar contando com a ajuda de São Pedro, também é prática velha.    


Bueiros entupidos favoreceram os alagamentos (Foto rede social) Bueiros entupidos favoreceram os alagamentos (Foto rede social)

Completados três anos de gestão, a prefeitura não aprendeu a destinar recursos para prevenção de enchentes e, logo, se mostrou estar, mais uma vez, despreparada.

 

Logo após o temporal do início da tarde de hoje (08), ruas ficaram alagadas em diversas partes da cidade e distritos, pedestres e motoristas ilhados e até mergulhados, graças às obras de planejamento duvidoso que a prefeitura fez para colaborar com o novo supermercado.


Automóvel "mergulhado" em via de acesso ao novo mercado. Ele caiu na vala sem proteção. (Foto rede social) Automóvel "mergulhado" em via de acesso ao novo mercado. Ele caiu na vala sem proteção. (Foto rede social)

É bom não esquecer que o drama da população não se limita às chuvas, pois em dias secos o desafio são as crateras nas ruas – sim, crateras; buracos eram no ano retrasado – que estão em todas as partes do município levando perigo e prejuízo a quem por elas passa. Enquanto a população sofre com as consequências do temporal e do abandono das vias, o prefeito “investe” o dinheiro dos contribuintes em outdoors, com frases que sempre iniciam com “Aqui será...”. Três anos de governo e ainda “conjuga no tempo futuro as obras da prefeitura” para a população. Além disto, o prefeito gastou R$ 15 mil com a locação do helicóptero do Papai Noel, quase R$ 16 mil apenas para confeccionar um contrato com a Associação dos Catadores, R$ 12 mil para passar uma resina no piso da SMS, mais de R$ 11 mil em adesivos para embelezar a sala dele, etc e mais de R$ 6 mil para os crachás de identificação da Feira dos Artesãos. Isto, sem contar com os mais de R$ 40 mil para construir um abrigo para motoristas de caminhão de frete, ao lado do Fórum.


Situação em que o cidadão teve de se submeter com o alagamento, no Posto de Saúde em Governador Portela (Foto rede social) Situação em que o cidadão teve de se submeter com o alagamento, no Posto de Saúde em Governador Portela (Foto rede social)

Entramos no ano quatro da gestão André Português, ano em que tudo para em julho em razão das eleições municipais e o cidadão que vive em Miguel Pereira tem, em 2020, dificuldade até mesmo para se locomover na cidade!




MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!

MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!

MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!




PALAVRA DO ASSINANTE SOBRE MIGUEL PEREIRA: Desse jeito até dinossauro se afoga!

Exibindo 0 Comentários


Quer comentar a matéria?






ACR      
Contador      
Tenis      
-
 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados