Receba noticias em seu Whatsapp gratis








Libras



Presidente da ABHI (MG), Guilherme Sanson, aposta na recuperação gradativa do setor | Jornal em Destaque por João Costa em Colunista

Presidente da ABHI (MG), Guilherme Sanson, aposta na recuperação gradativa do setor

.



Presidente da ABHI (MG), Guilherme Sanson, aposta na recuperação gradativa do setor

04/10/2020 11:49 ( Atualizado em 04/10/2020 18:42) | Rio de Janeiro | Colunista |

João Costa

Guilherme Sanson tem formação em Administração Hoteleira pela Universidade Santo Amaro (Unisa), é o atual Presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), em Minas Gerais, e atua no segmento de hoteleiro há mais de 20 anos, tendo passado por importantes hotéis no país - entre estes o Maksoud Plaza (São Paulo) e a Hotelaria Accor Brasil (em São Paulo, Vitória e Belo Horizonte).


Hotéis e empregos no segmento em Belo Horizonte


Entre os diversos temas que abordou durante a entrevista, Guilherme Sanson ressaltou que a situação que o setor hoteleiro enfrenta em Belo Horizonte ainda é muito complicada. Ele estima que entre 20% a 25% dos hotéis que compõem a rede hoteleira na capital mineira está com as suas atividades suspensas ou fecharam as portas - o que também afetou o volume de negócios do setor: "ainda não temos dados precisos sobre isto porque não temos informações atualizadas sobre a realidade de fluxo de caixa no setor”, afirma.


Em relação aos hotéis que estão em funcionamento, Sanson informou que estes (estabelecimentos) estão operando com uma taxa de ocupação que varia entre 15% e 20%: "alguns com mais, outros com menos, mesmo, porque a questão não é o preço, mas a demanda", explica o presidente da ABIH.


Na sua avaliação, o segmento hoteleiro na grande Belo Horizonte registra números preocupantes: a estimativa é que entre cinco e seis mil trabalhadores perderam os seus empregos - sendo que em todo o Estado este montante chega a 20 mil.


Dos desafios


Sanson afirma que um dos maiores desafios do setor será se manter em atividade, ou seja, funcionando; ter fluxo de caixa, honrar os compromissos preestabelecidos, incluindo os direitos trabalhistas dos funcionários que foram demitidos.


Em relação à adaptação aos protocolos de segurança, Sanson destaca que muito embora sempre houvesse uma preocupação do setor hoteleiro em manter a máxima higienização, em consonância com a legislação, as exigências redobraram forçando um processo mais acurado para a conscientização de colaboradores: estes funcionários, hoje, estão tendo que ser polivalentes no trabalho, acumulando uma série de atividades.


Governo municipal e estadual


Sanson enfatiza que como líder do setor hoteleiro tem participado de um grande número de reuniões com os governos estadual e municipal, incluindo secretarias afins e a Câmara de vereadores, com o objetivo de obter um prazo mais dilatado para o pagamento do IPTU, por exemplo, entre outros impostos.


O presidente da ABIH salienta que em nível estadual tem dado a ideia e solicitado que seja feito algo com relação à nota fiscal eletrônica na qual o contribuinte, por meio de seu CPF, possa dispor do saldo residual para uso como crédito com a anuência do governo como forma de abatimento no seu IPTU e IPVA. Ele disse, ainda, que esta ideia tem o intuito de fazer com que o contribuinte consiga também utilizar estes créditos no segmento hoteleiro especificamente e no turismo de um modo geral, na compra de um passeio, pacote turístico com alguma agência receptiva, entrada em parques estaduais que estão reabrindo de modo que o setor possa angariar um incremento em termos de receita, o que será muito importante para o fluxo de caixa.


Sanson enfatiza que tanto o turismo de negócios, quanto o turismo de lazer, ainda enfrentam dificuldades em Minas Gerais: a demanda gerada pelo segmento de lazer registra uma redução em torno de 70% a 80% em relação ao movimento que existia antes da pandemia da Covid-19.


Perspectivas para o setor


Meu entrevistado se diz otimista, está trabalhando muito neste sentido e se coloca à disposição para toda a hotelaria. O presidente solicita que as empresas e ou profissionais do setor, em caso de necessidade de orientação, acessem o site da ABIH: abih.com.br ou Instagram ou entrem em contato pelo telefone para que possa atendê-los.







Gostou deste assunto?

Seus amigos também podem gostar:

Compartilhe!














 
  • Política de Erros
  • Política de Privacidade
  • Termos de Uso
  • Sobre o Jornal em Destaque
  • Contato
  • JORNAL EM DESTAQUE | Todos os Direitos Reservados



    DESENVOLVIDO POR
    RIOBRASIL